Se precisar é só ligar:
Campina Grande

(83) 3310.6000
João Pessoa

(83) 3219.6000
Trombose arterial: entenda o problema e saiba como prevení-lo

O problema ocorre quando há entupimento das artérias do corpo, impedindo a irrigação de sangue em regiões como cérebro, coração, pernas ou mesmo intestino

Para termos uma ideia da extensão dos problemas cardiovasculares, eles são as principais causas de morte em mulheres e homens no Brasil. São responsáveis por cerca de 20% de todas as mortes em indivíduos acima de 30 anos. Segundo o Ministério da Saúde, ocorreram 962.931 mortes em indivíduos com mais de 30 anos em 2009. 

Quando existe uma obstrução total das artérias do cérebro, chamamos de acidente vascular cerebral, também conhecido pela sigla AVC. Nesses casos a região a que o sangue não chega sofre um infarto cerebral e morre. Sua gravidade depende do tamanho e da região afetada. O mesmo raciocínio vale para o infartodo miocárdio quando temos uma trombose de uma artéria que irriga o músculo cardíaco, causando uma lesão muito grave naquela região que ficou sem sangue. E assim pode acontecer no intestino, a trombose mesentérica, que quando ocorre deixa uma grande parte do intestino sem irrigação sanguínea e leva frequentemente à morte pela gravidade do evento. Nos membros inferiores, causa um quadro de dor intensa, palidez, dormência e incapacidade de andar. Nesses casos é fundamental procurar auxílio médico imediatamente, pois, se não tratada, pode evoluir para gangrena e morte. 

 
 
 

As pessoas mais propensas a ter trombose arterial são os fumantes, as pessoas com hipertensão mal controlada, diabetescolesterol e triglicérides altos, além de indivíduos muito estressados e portadores de aneurismas e fibrilação atrial. 

É importante também saber o histórico familiar que pode dar informações valiosas ao seu médico. Conhecendo as causas mais comuns, devemos sempre pensar em manter a saúde e prevenir o evento trombótico. Faça um levantamento de suas tendências familiares e use esta informação a seu favor. Somos produtos de nossa hereditariedade e de bons ou maus hábitos. 

Se você for de uma família que tem casos de doença cardiovascular, diabetes e hipertensão, é bom ficar atento e fazer um controle médico a partir dos 30 anos. Além disso, cultive bons hábitos, não fumando, evitando comidas gordurosas, frituras, doces, farinha branca, excesso de sal e açúcar. Faça atividade física com regularidade, praticando exercícios aeróbicos 150 minutos por semana e atividade de força, como a musculação, duas vezes por semana. Procure lidar com o estresse a seu favor: nos momentos mais intensos, gaste esta energia com ginástica. 

Faça controle regular de colesterol, triglicérides e glicose com seu médico. E, se apesar de todo seu esforço, seu problema evoluir para uma trombose, procure imediatamente auxílio médico especializado, pois quanto mais precoce o atendimento, melhores as chances de êxito no tratamento. 

Lembre-se: informação sem ação não vale nada, portanto, faça sua parte, cuide-se bem. 

FACEBOOK
Todos os direitos reservados - Farmácia Dias